Trabalhos científicos sobre avicultura e suinocultura já podem ser inscritos para a 6ª Favesu

Uma das atividades mais tradicionais da programação da Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba (Favesu) é o espaço científico. E o período de inscrições de projetos científicos sobre os dois segmentos já está aberto. A 6ª edição do evento será realizada entre os dias 23 e 24 de junho de 2021, no Centro de Eventos Padre Cleto Caliman (Polentão), em Venda Nova do Imigrante, nas montanhas do Espírito Santo.

O espaço científico dará oportunidade para estudantes de graduação, pós-graduação, professores, pesquisadores e profissionais do setor apresentarem trabalhos nas áreas de pesquisa de frango de corte, postura comercial e suinocultura. 

Os pesquisadores interessados devem enviar a ficha de inscrição dos trabalhos (disponível para download no link mais abaixo) até o dia 04 de abril de 2021. Já a data limite para o envio dos trabalhos, que serão avaliados por profissionais renomados nas áreas pertinentes, será o dia 25 de abril de 2021.

Os trabalhos deverão ser classificados em um ou mais dos seguintes assuntos: insumos alternativos para milho e soja, sanidade, ambiência, bem-estar animal ou inspeção sanitária de produtos de origem animal. Clique aqui e saiba mais sobre as normas para elaboração dos trabalhos.

Um dos responsáveis pela coordenação científica da 6ª Favesu, o médico veterinário Eustáquio Moacyr Agrizzi destaca a importância desse espaço dentro da feira. “Objetivamos estimular a aplicabilidade do conteúdo científico na prática, bem como aproximar o meio acadêmico de empresas dos setores e dos produtores rurais”, ressaltou Eustáquio. O evento é realizado pela Associação dos Avicultores do Estado do Espírito Santo (Aves) e da Associação de Suinocultores do Espírito Santo (Ases).

EXPOSIÇÃO E PREMIAÇÕES – Todos os trabalhos aceitos serão expostos no Espaço Científico da 6ª Favesu através de banners e receberão certificado de participação. Em cada área de pesquisa (frango de corte, postura comercial e suinocultura) o trabalho melhor avaliado terá espaço para uma apresentação oral, com duração de dez minutos, durante a programação da feira, no auditório destinado ao público pertinente àquele tipo de pesquisa.

Além disso, o primeiro colocado das três áreas receberá uma premiação em dinheiro na quantia de R$ 1 mil, terá direito a publicação do seu trabalho no Jornal do Agronegócio (jornal de circulação nacional da Aves e Ases), e ainda poderá ter seu estudo divulgado nas mídias da Favesu e das associações.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a comissão organizadora do concurso nos telefones: (27) 3288-1182 e 99942-2552, ou através do e-mail: [email protected].

Clique aqui para baixar a ficha de inscrição 

Clique aqui e confira as normas para elaboração dos trabalhos

Fonte: Assessoria de imprensa Aves e Ases

Últimas notícias

Apoio à agricultura familiar beneficia mais de 800 agricultores capixabas

A agricultura familiar no Espírito Santo teve um aporte de R$ 5 milhões ...

Contratos futuros do café se recuperam no mercado internacional

Com fundamentos inalterados, cotações seguem oscilando com base em fatores técnicos e no ...

Selo Biocombustível Social gera renda para agricultores familiares

Em 2019, o Selo beneficiou mais de 60 mil famílias da agricultura familiar, ...

Tratoraço reúne mais de dois mil veículos contra taxação do ICMS

Um tratoraço realizado na manhã de ontem (14), na Avenida Coronel Marcondes, em ...

Valor da Produção Agropecuária de 2020 é o maior da história

Foto: Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil A carne bovina foi um ...