Valor da Produção Agropecuária estimado em R$ 683,2 bilhões para 2020

As lavouras de soja, milho, café e laranja puxam a projeção para este ano

O Valor da Produção Agropecuária (VBP) de 2020 é estimado em R$ 683,2 bilhões, montante 8,2% acima do registrado em 2019, com base nas projeções de fevereiro.

Para as lavouras, o valor estimado é de R$ 448,4 bilhões e, para a pecuária, R$ 234,8 bilhões. Em comparação ao do ano passado, o crescimento é de 8,9% e 8,2% respectivamente.

“A maior parte das lavouras analisadas apresenta crescimento do valor da produção. Entre estas, as de maior crescimento são a do amendoim (11,8%), cacau (6,6%), café (25,9%), da laranja (9,7%), da mandioca (7,8%), do milho (15,2%) e da soja (15,5%). Os resultados de milho e soja devem-se aos preços maiores neste ano, e também às safras mais elevadas. O café teve forte recuperação – a safra do arábica é 22,3% maior, e os preços são 10,4% superiores aos do ano passado”, diz a nota da Secretaria de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Já os produtos com previsão de redução do VBP são: banana, batata-inglesa, trigo, feijão, tomate e uva.

Na pecuária, carnes (bovina, suína e de frango) têm projeção de bons resultados este ano. O faturamento de ovos deve apresentar alta de 4,7 % em relação a 2019. A retração está prevista no setor de leite: 2,5%.

Por regiões, o Centro-Oeste lidera com projeção de 31,8% do VBP total. Em seguida, aparece o Sul (26,8%), Sudeste (25,2%), Nordeste (9,6%) e Norte (6,6%).

Fonte: Mapa

Últimas notícias

Palestra aborda tendências inovadoras para o turismo das montanhas capixabas

A pandemia trouxe diversas mudanças no comportamento do consumidor e todos os setores ...

Laboratório de leite do Idaf recebe credenciamento oficial

Após anos de trabalho e dedicação, o Laboratório de Análise da Qualidade do ...

Apenas três municípios do Espírito Santo estão em risco amarelo no Mapa Covid-19

O Governo do Estado anunciou, ontem (18), o 23º Mapa de Risco Covid-19, ...

Demanda de frete rodoviário no agronegócio tem incremento de mais de 10%

Segundo o Índice de Fretes e Pedágios Repom (IFPR), a demanda por frete ...

Preço do arroz deve permanecer entre R$ 5 e R$ 7 até março do ano que vem

Um dos alimentos mais consumidos na mesa dos brasileiros sofreu um aumento de ...