Varal disponibiliza informações aos agricultores

Toda semana novas informações são “penduradas no varal”, para serem recolhidas pelos agricultores interessados

Com uma corda, grampos de roupa e muita criatividade, extensionistas do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) disponibilizam informações sobre temas variados aos agricultores de São José do Calçado, no sul do Espírito Santo.

A ideia surgiu durante uma reunião de equipe do Centro Regional de Desenvolvimento Rural (CRDR) Caparaó. “Durante a reunião, o coordenador do CRDR Caparaó relatou uma experiência bem sucedida realizada por uma professora que criou um varal em frente à escola para que os alunos pudessem buscar materiais sobre os conteúdos tratados nas aulas”, disse a extensionista do Incaper no município, Patrícia Campbell.

Diante da necessidade de dar continuidade aos trabalhos de assistência técnica e extensão rural (ater) seguindo as diretrizes de prevenção e combate ao novo coronavírus, a equipe do Escritório Local de Desenvolvimento Rural (ELDR) de São José do Calçado prontamente colocou a ideia em prática. Semanalmente, um servidor do Incaper troca os envelopes do varal atualizando as informações. Além de Patrícia Campbell, os extensionistas Abner Castelão e Jean Moraes também são responsáveis pela renovação dos envelopes.

“Toda semana há atualização dos envelopes por um dos extensionistas. Nós imprimimos matérias, capítulos de livros, adicionamos folders, enfim o que de melhor encontramos sobre o tema, em linguagem acessível e que leve boas informações para agregar conhecimento aos produtores. Aqueles que se interessam pelo tema semanal, retiram o envelope do varal e  levam para casa”, explicou Patrícia Campbell.

Os primeiros envelopes foram sobre o tema “colheita e pós-colheita do café”. Segundo a extensionista do Incaper, na segunda semana “cheia” do varal o tema foi comercialização do café. A próxima atualização provavelmente vai conter temas relacionados à bovinocultura.

O varal foi instalado em um ponto estratégico do ELDR, de maneira a facilitar o acesso dos produtores rurais aos conteúdos pendurados na corda. “O varal foi instalado no corredor do escritório do Incaper, local onde também se localizam o Idaf e o Sindicato dos Produtores Rurais. O lugar foi escolhido de modo a atingir o máximo de produtores possível, visto que nesse mês de maio há campanha de vacinação contra febre aftosa, o que aumenta o fluxo de pessoas”, afirmou a extensionista do Incaper.

O coordenador do CRDR Caparaó, ao qual o ELDR de São José do Calçado está vinculado, Ricardo Eugênio Pinheiro, aprovou a iniciativa.  “Esta é uma ação bastante interessante: fazer assistência técnica com metodologia remota neste momento de pandemia”, comentou.

Fonte: Incaper

Últimas notícias

Projeto do ES é selecionado em concurso de soluções para restaurar a bacia do rio Doce

Cinco iniciativas de plantio sustentável com fins econômicos foram selecionadas em parceria realizada ...

ES integra operação nacional Mata Atlântica em Pé

O balanço da ação no Estado será apresentado no próximo dia 1º, em entrevista ...

Programa CNA Jovem tem 3.742 inscritos e seleciona 1.400 para oficinas digitais

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) apresentou o primeiro balanço das atividades ...

Conab: safra brasileira de café é a segunda maior da história

Em seu 3º Levantamento da Safra 2020 de café, a Companhia Nacional de ...

Primavera começa com transição entre estações seca e chuvosa

Com o gradativo aumento das chuvas em grande parte do país nesta época ...