Vídeo intensifica cuidados a funcionários de empresas de avicultura e suinocultura

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) lançou hoje (03) um vídeo com informações sobre a intensificação dos cuidados para a saúde dos colaboradores nas agroindústrias produtoras e exportadoras da avicultura e da suinocultura do país, frente à epidemia do coronavírus (Covid-19). Assista ao vídeo abaixo!

Feito pela Agência Capella (Porto Alegre/RS), o vídeo reúne depoimentos de especialistas das diversas áreas dos frigoríficos e apresenta diversos cuidados já adotados no sistema produtivo. Também são mostradas as medidas para a prevenção e o monitoramento da saúde de trabalhadores diretos e terceirizados.

“Antes mesmo da adoção de quarentenas em diversos estados do país, as empresas da avicultura e da suinocultura intensificaram os cuidados para preservar a saúde dos colaboradores e terceirizados no sistema produtivo. O vídeo explica algumas destas medidas no ambiente de alta biosseguridade implantado nos frigoríficos brasileiros”, explica Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA.

Entre as ações adotadas está o afastamento preventivo de todos os colaboradores identificados como grupo de risco (com idade acima de 60 anos, doenças pré-existentes e outros). Ao mesmo tempo, houve a intensificação das ações de vigilância ativa. A temperatura dos colaboradores é aferida em diversos momentos, durante a rotina de trabalho.

Vários dos cuidados recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde já eram adotados pelas empresas nos protocolos de rotina de trabalho, conforme é mostrado no vídeo. De forma preventiva e indo além das recomendações dos órgãos de saúde, as agroindústrias determinaram ações como o aumento da rotina de higienização de todos os ambientes dentro e fora do frigorífico, como o transporte, a adoção de medidas contra a aglomeração, com a redistribuição de horários de refeição e transporte, e outros.

Houve reforço nas orientações de cuidados para a saúde (com materiais orientativos) e na distribuição de álcool em gel pelas unidades frigoríficas. “A preservação da saúde do trabalhador e a garantia de oferta de alimentos à população são nossas prioridades. É uma questão de paz social. A ABPA e suas associadas estão dedicadas nos diversos comitês temáticos de situação para acompanhar o quadro e desenvolver medidas. Todos os cuidados foram tomados. A ABPA criou diversos protocolos de referência setorial dentro destes objetivos”, analisa Francisco Turra, presidente da ABPA.

A ABPA é a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos da avicultura e da suinocultura do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões.

Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a Apex-Brasil, das quatro marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: Brazilian Chicken, Brazilian Egg, Brazilian Breeders e Brazilian Pork.

Por meio de suas marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos, de material genético, de carne de frangos e de suínos.

Fonte: Assessoria ABPA

Últimas notícias

Idaf tem trabalho aprovado em Encontro Capixaba de Pesquisa em Educação Ambiental

O encontro é organizado pela Ufes em parceria com o Iema O Instituto ...

Ifes abre inscrições para mestrado em Agroecologia

São ofertadas 12 vagas e o início das aulas está previsto para março ...

Laboratório de aquicultura marinha fortalecerá pesquisas no país

Visão em 3D do projeto do Lapimar Foram reiniciadas, esta semana, as obras ...

Brasil registra 31 defensivos agrícolas genéricos, com quatro produtos biológicos

Com a publicação, 2020 soma 60 produtos de baixo impacto registrados. Esse é ...

ATENÇÃO: chuva forte e rajadas de vento atingem a Grande Vitória e municípios do interior capixaba

A chuva forte prevista pela Coordenação de Meteorologia do Instituto Capixaba de Pesquisa, ...