Zoneamento visa reduzir riscos climáticos para cultivo de cevada

Com o objetivo de indicar períodos de menor risco para o plantio de cevada, foram publicadas no Diário Oficial da União na última quinta-feira (29) as Portarias de 351 a 358 com o Zoneamento Agrícola de Risco Climático (Zarc). Os documentos tratam da cultura de cevada de sequeiro, ano-safra 2020/2021.

As informações visam reduzir as chances de ocorrerem problemas relacionados a eventos climáticos indesejáveis e, com isso, permitir ao produtor identificar a melhor época para plantar, levando em conta a cultura e os diferentes tipos de solos.

Os produtores rurais e outros agentes do agronegócio também podem ter acesso às informações oficiais do Zarc por meio de tablets e smartphones. Isso facilita a orientação relacionada aos programas de política agrícola do Governo Federal.

Fonte: Brasil 61

Últimas notícias

Senar lança cursos gratuitos de drones e inseminação artificial. Inscreva-se!

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou três cursos de curta duração, ...

Especialistas do Brasil e exterior debatem mercado halal

O fórum de negócios Global Halal Brazil ocorre na próxima semana e terá ...

Estados Unidos mudam regras para ingresso de cães procedentes do Brasil

Os animais que chegam de países classificados como de alto risco para raiva, ...

Entidades afirmam que caso das búfalas de Brotas foge à regra dos produtores

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp) publicou ...

Cadeia produtiva do leite é destaque em novo Boletim da Agricultura Familiar da Conab

Já está disponível, no site da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a publicação ...