Fungicida inédito para controle do mofo branco é registrado no Brasil

O Ato n° 26 do Departamento de Sanidade Vegetal e Insumos Agrícolas da Secretaria de Defesa Agropecuária, publicado nesta quarta-feira (9) no Diário Oficial da União, traz o registro de 64 defensivos agrícolas formulados, ou seja, produtos que efetivamente estarão disponíveis para uso pelos agricultores. Desses, 12 são de baixo impacto ou de base biológica e um de princípio ativo inédito no Brasil.

Entre os produtos biológicos registrados, quatro deles utilizam microrganismos como o Bacillus thuringiensisTrichoderma asperellumTrichoderma harzianum e Beauveria bassiana para o controle de pragas agrícolas.

Em relação aos produtos químicos, foi registrado um fungicida com ingrediente ativo fenpirazamin inédito no Brasil. Apesar de ser o primeiro registro no país, esse ingrediente ativo já é amplamente utilizado em outros países, como Estados Unidos, Austrália e União Europeia.

“A partir de agora, os produtores brasileiros poderão utilizar esse produto para o controle de mofo branco (Sclerotinia sclerotiorum) nas culturas da batata, feijão, soja e tomate”, explica o coordenador-geral de Agrotóxicos e Afins, Bruno Breitenbach.

Os demais produtos utilizam ingredientes ativos já registrados anteriormente no país. O registro de defensivos genéricos é importante para diminuir a concentração do mercado e aumentar a concorrência, o que resulta em um comércio mais justo e em menores custos de produção para a agricultura brasileira.

Todos os produtos registrados foram analisados e aprovados pelos órgãos responsáveis pela saúde, meio ambiente e agricultura, de acordo com critérios científicos e alinhados às melhores práticas internacionais.

PRODUTOS DE CONTROLE BIOLÓGICO – Com o registro desses 12 produtos, já somam 39 os produtos de baixo impacto para o controle de pragas (biopesticidas) registrados no ano de 2021. Em 2020, foram 95 produtos desse tipo registrados, ano recorde.

“Acreditamos que esse recorde será batido novamente, considerando os investimentos e interesse de produtores que temos testemunhado”, destaca Breitenbach.

Atualmente, soma-se um total de 450 produtos de baixo impacto disponíveis para os produtores.

Fonte: Mapa

Últimas notícias

Governo libera R$ 251,2 bilhões em crédito rural

Em cerimônia no Palácio do Planalto nesta terça-feira (22), o governo lançou oficialmente ...

Exportação de amendoim atinge US$ 70,8 milhões entre janeiro e abril

O setor brasileiro de amendoim registrou uma receita de US$ 70,8 milhões entre ...

Custos de produção de frangos aumentam quase 20% e de suíno mais de 10% entre janeiro e maio

Os custos de produção de frangos de corte já subiram 19,63% entre janeiro ...

Abelhas sem ferrão usam microrganismos para preservar o mel e muito mais

Vários estudos relatam que esses insetos dependem de fungos e bactérias também para ...

CNA e Fambras iniciam curso sobre oportunidades e desafios para o agro brasileiro nos países islâmicos

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Federação das ...