Veja como mais de 80% dos gafanhotos foram eliminados após ações aéreas e terrestres

Cerca de 80% da nuvem de gafanhotos que está próxima do Brasil foi eliminada por agricultores e autoridades do governo da Argentina, país onde os insetos estão deixando estragos em plantações desde o último mês. Os gafanhotos sul-americanos (Schistocerca cancellata sereville) ainda estão na província de Entre Ríos.

Nessa região foram realizados tratamentos com equipamentos por terra e pelo ar em uma área de aproximadamente 400 hectares, correspondendo a nove estabelecimentos agrícolas na área, tanto em plantações de frutas cítricas quanto em florestas.

De acordo com técnicos do Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar (Senasa), da Argentina, essas tarefas complementam as já realizadas nos dias 23 e 24 de julho, parcialmente interrompidas pelas chuvas que ocorreram na região. Um vídeo divulgado pelo Senasa mostra um avião realizando o controle aéreo da praga.

As condições climáticas, a baixa temperatura e alguns milímetros de chuva dos últimos dias permitiram organizar adequadamente as tarefas de pulverização, que finalmente se materializaram no último sábado (25), com condições climáticas adequadas para atuar em toda a área afetada.

“Para essa ação houve a coordenação público-privada que se concentrou no problema, por meio da coordenação interinstitucional, para realizar o trabalho de campo, na expectativa de resultados satisfatórios”, informou o governo argentino.

A atuação contou com a participação do governo da província de Entre Ríos, através do Ministério da Agricultura e Pecuária; e o governo nacional, com a participação de técnicos do Senasa e do Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária (INTA).

Também foi feito combate dos gafanhotos em lavouras de laranjas

Além disso, organizações de produtores tiveram importante auxilio, liderada pela Federação de Entre Ríos Citrus (FECIER), Associação de Produtores de Mirtilo da Mesopotâmia Argentina (Apama), Câmara de Exportadores de Citrinos da NEA (Cecnea ), profissionais de agronomia, representantes da Associação de Engenheiros Agrônomos do Nordeste de Entre Ríos (AIANER), do Círculo de Profissionais de Agronomia do Departamento de Federação (CIPAF) e outras entidades como a Fundação para o Combate à Febre Aftosa (Fucofa) de Entre Ríos, a Mesa de Ligação e representantes municipais.

A estimativa é de que as ações exterminaram mais de 80% dos gafanhotos

Os técnicos do Senasa afirmaram que as tarefas foram realizadas em tempo hábil, com o cuidado exigido pelas práticas utilizadas e que permitiu uma redução substancial na densidade populacional da praga, de cerca de 80%.

BRASIL – A nuvem de gafanhotos chegou a uma distância de 98 quilômetros do município gaúcho de Barra do Quaraí. De acordo com o chefe da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) Ricardo Felicetti, a secretaria já tem estabelecido o plano emergencial de supressão de surtos de gafanhotos.

O secretário de Agricultura do Rio Grande do Sul, Covatti Filho, que esteve em Brasília na última semana, disse que já havia um recurso de R$ 600 mil disponível, que será liberado pelo Ministério da Agricultura, para ser utilizado na compra de produtos para tratamento fitossanitário e contratação de serviços de aplicação de inseticidas caso os insetos chegassem ao Brasil.

Informações: Senasa

Saiba mais sobre as nuvens de gafanhotos nas matérias abaixo

Nuvem de gafanhotos devoradores pode chegar ao Brasil nos próximos dias

Especialistas explicam sobre os gafanhotos que avançam em direção ao Brasil

Frente fria poderá afastar nuvem de gafanhotos do Brasil

Aviões podem ser usados para combater nuvem de gafanhotos no Brasil

Gafanhotos: governo declara emergência fitossanitária no RS e em SC

Monitoramento indica que nuvem de gafanhotos não entrou no Brasil

Portaria define medidas para controle da praga dos gafanhotos em caso de surto no Brasil

Argentinos localizam gafanhotos e devem usar aviões para combater os insetos

Após eliminar 15% dos gafanhotos, combate na Argentina continua

Onde estão os gafanhotos que se aproximavam do Brasil?

Gafanhotos se aproximam do Brasil e outra nuvem está no Paraguai

Últimas notícias

Edição 2020 da Corrida e Caminhada do Café será virtual

Atletas podem enviar registros de corridas em qualquer lugar para a organização do ...

Clima em setembro preocupa produtores de tomate estaqueado

O plantio do tomate estaqueado, ou tomate de mesa, já foi realizado nas ...

Egípcios exportam alho ao Brasil

Brasil abriu seu mercado de alho para o Egito no ano passado e ...

Biofortificação aumenta em 16 vezes o teor de zinco nas folhas de alface

Aplicação de fertilizante de baixo custo também pode fortalecer a renda do produtor  ...

Acerola é um dos alimentos mais ricos em vitamina C

Fruta pequena de cor vermelha e formato arredondado, a acerola tem um sabor ...